SEGA nomeia antigo executivo da The Walt Disney Company como vice-presidente do departamento de transmedia

fevereiro 29, 2024

A SEGA nomeou Justin Scarpone, um antigo executivo da The Walt Disney Company e da Scopely, como vice-presidente executivo e responsável pelo Global Transmedia Group, a partir do dia 1 de abril de 2024. A criação do Global Transmedia Group vai permitir à SEGA avançar com a sua estratégia nos media em todo o seu portefólio de IPs, e replicar o sucesso de Sonic The Hedgehog no cinema e nos outros media como séries de jogos tais como Persona, Like a Dragon, Angry Birds e muitas mais no futuro.

Justin Scarpone tem mais de 30 anos de experiência, com funções de liderança em empresas de entretenimento de renome mundial, como a The Walt Disney Company e a Scopely Inc. Justin especializou-se no desenvolvimento e liderança de estratégias de negócios de entretenimento em grande escala na Ásia e no Ocidente, que produziram resultados financeiros significativos. Justin também foi fundamental na expansão dos negócios de jogos na região da Ásia, lançando títulos de sucesso como LINE: Disney Tsum Tsum, Kingdom Hearts e Marvel Future Fight. Enquanto esteve na Walt Disney Japan, foi também responsável pela divisão de produtos de consumo da empresa, supervisionando o licenciamento e a distribuição de todos os produtos da Disney, Pixar, Marvel e Star Wars a nível nacional.

A SEGA criou inúmeras personagens e propriedades intelectuais desde que foi fundada há mais de 60 anos. Em 2020, a Paramount Pictures co-produziu o filme Sonic the Hedgehog. O filme tornou-se um êxito de bilheteira mundial, o que deu azo não só a duas continuações e no sucesso contínuo dos jogos do série, como também serviu de catalisador para um crescimento significativo em merchandising, animação, entretenimento ao vivo e outras categorias de conteúdos e serviços. A SEGA pretende replicar este tipo de sucesso nas suas outras propriedades intelectuais. Este tipo de estratégia transmédia funcionará como um pilar de crescimento fundamental durante a próxima década.

In this post:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *