Na manhã desta segunda-feira (19), o mercado de criptomoedas operava com um market cap de US$ 1,98 trilhão (+1,1%) enquanto o Bitcoin (BTC) era transferido na região de US$ 52,3 mil (+1%), 51,8% de dominância de mercado, índice ganância a 75% e altcoins em alta que chegavam a quatro dígitos percentuais, favorecidas por listagens e airdrops, em linhas gerais.

A movimentação dos preços das criptomoedas se dissociava do encerramento do mercado acionário na última semana, quando o S&P 500 fechou em 5.005,57 pontos (-0,48%) e o Nasdaq se estabeleceu em US$ 15.775,65 pontos (-0,82%). Retração que sucedeu a alta de 0,3% em janeiro no índice de preços ao produtor (PPI), segundo relatório do Departamento do Trabalho do país. Dado que pode desfavorecer mercados como o de criptomoedas por causa do possível prolongamento da taxa de juros do Federal Reserve (Fed), o banco central dos EUA.

Apesar do fluxo de capital também ter migrado no final da última semana para os títulos de longo prazo do Tesouro dos EUA, considerados mais seguros e cujos rendimentos apresentaram alta, o mercado de criptomoedas continuou se mostrando atrativo e também favoreceu o avanço da maior parte das principais altcoins em capitalização de mercado.

No grupo positivo dos tokens de projetos mais expressivos em capitalização de mercado, o FIL era transacionado por US$ 6,60 (+7,5%), o AR se equiparava a US$ 13,05 (+7,3%), o MATIC pareava US$ 1,01 (+7%), o HNT era comprado por US$ 10,15 (+7%), o 1000SATS se convertia em US$ 0,00055 (+5,8%) e o OP valia US$ 3,90 (+5,2%).

Quanto às altas de dois dígitos percentuais, o WLD representava US$ 7,39 (+42,9%), o GRT valia US$ 0,26 (+24,1%), o FET se transferia por US$ 0,94 (+16%), o CKB era trocado de mãos por US$ 0,013 (+27,4%), o JASMY estava cotado em US$ 0,0079 (+25,1%), o AGIX se equiparava a US$ 0,54 (+20,9%), o XAI era vendido por US4 1,29 (+20,7%), o OCEAN se liquidava por US$ 0,76 (+17%) e o GF se nivelava por US$ 0,37 (+35,1%).

Entre os destaques estava a listagem inicial do Pixel (PIXEL) em diversas exchanges de criptomoedas. Entre elas a Bitget, Kucoin, Phemex e a Binance, onde o token do jogo social desenvolvido pela Ronin Network era negociado por US$ 0,50 (+1.152%) e com um pico de preço de aproximadamente 1.400% em relação ao seu preço de lançamento.

Gráfico de quatro horas do par PIXEL/USDT. Fonte: Captura de tela/Binance

Outra listagem inicial que prometia agitar o mercado de criptomoedas era a do STRK, token do rollup validador de conhecimento zero (zk) Starknet, adicionado na manhã desta segunda-feira na plataforma de negociação à vista (spot) de diversas exchanges, entre elas a OKX e a Bitget.

Na próxima terça-feira (20) também começa o airdrop de 700 milhões de tokens a membros da comunidade, desenvolvedores e usuários da solução de escalonamento da rede Ethereum nos últimos meses, segundo o que consta na página de airdrop da Fundação Starknet.

Além do PIXEL e do STRK, outras cinco listagens estavam programadas para esta segunda-feira: Mavia (MAVIA) na Poloniex, Ronin (RONIN) e Dymension (DYN) na Bitrue, Forward (FORWARD) na AscenDEX e Chainge (XCHNG) na Gate.io.

Na última semana, uma criptomoeda de streaming explodiu 70% ao flertar com a OpenAI enquanto o Bitcoin se mantinha de lado, conforme noticiou o Cointelegraph Brasil.